Pequenas grandes enormes e brilhantes coisas


Crescer é e sempre será uma aventura. Descobrir a massa de que se faz o mundo, aperta-la nas mãos e deixar que se misture com os nossos pequenos e interrogadores dedos.  Um processo demorado e lento, cheio de pequenas areias e grandes planícies. Cheio de porquês, e comos e também cheio de esperanças. Em mim o encanto de os ver a crescer assim, lado a lado, mão na mão, a multiplicar os sonhos nos desejos do outro.

Nota Importante para um futuro que vê a memória enevoada: Nenhuma destas imagens foi pedida, só os sentamos, o beijo, as expressões, o não largar a caixinha, isso foi a espontaneidade.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS
Read Comments

3 brilhos:

Ana Luísa disse...

Estão tão giros e tão crescidos! Que diferença!
Beijinhos com saudade.

Luísa disse...

Lindíssimos!!!

Helena disse...

que delicia...
beijocas grandes